Como a tecnologia pode ajudar a reduzir custos de transmissão ao vivo

0
Como a tecnologia pode ajudar a reduzir custos de transmissão ao vivo

Como já mencionamos no texto “Sua operação precisa mesmo de de uma transmissão via satélite?” há diversas outras alternativas viáveis para realizar uma transmissão ao vivo. O satélite, apesar de ter boa qualidade e abrangência, costuma ser mais caro. Esse custo, muitas vezes, não cabe no orçamento de pequenas emissoras. Em outros casos, a empresa até pode ter condições de pagar, mas não há necessidade de arcar com tamanho custo.

É por isso que existem opções mais baratas e também bastante eficientes, como é o caso da transmissão via internet de baixa latência e sem delay. Esse tipo de conexão pode ser feita de qualquer lugar que tenha acesso a internet e usada não só em transmissões ao vivo, mas também para backup de redundância e até mesmo como sinal principal. Tudo isso com baixo custo quando comparado às outras opções, como satélite, cabo ou antena.

O que é baixa latência para uma transmissão ao vivo?

Antes de saber por que essa alternativa é tão eficiente para uma transmissão ao vivo, é importante entender o que é a latência de stream. Trata-se do atraso entre o acontecimento em si até a exibição para o espectador. No caso de uma transmissão ao vivo, esse atraso pode ser extremamente prejudicial, pois gera um vácuo de comunicação conhecido como delay. Se a ideia é que o apresentador do estúdio se comunique com alguém que está fora, ou mesmo que essa transmissão receba informações vindas dos espectadores, esse delay pode travar muito a conversa, tornando o processo truncado e chato de assistir.

Em transmissões de baixa latência isso não ocorre. Os momentos de fala de uma pessoa para outra são praticamente os mesmos.  A tecnologia por trás disso permite que este tipo de transmissão seja viável.

Por que é mais barato?

A transmissão ao vivo pela internet é mais barata porque não exige grandes estruturas e expressivo investimento inicial comparada, por exemplo, com antenas, carros de externa, cabos de fibra, etc. Basta que a conexão da internet tenha um bom sinal e conte com um equipamento de saída (encoder) e um de entrada na outra ponta (decoder).

Outro ponto fundamental para redução de custos é observar se o equipamento é capaz de fazer as devidas conversões de sinal e entregar no formato que sua TV necessita. Se não for o caso, será necessário adquirir um transcoder e gerar mais custos.

Para quem essa solução é indicada?

Via de regra, essa solução é indicada para qualquer emissora que deseje realizar uma transmissão ao vivo com qualidade e de baixo custo.Uma transmissão via internet pode estar sujeita a instabilidades, por isso ela é mais indicada quando a perda de sinal não resulta em prejuízo financeiro, como a redução de patrocínios, por exemplo. Recomendamos, portanto, para emissoras que estejam iniciando suas transmissões ao vivo e querem uma solução barata e de fácil setup.

Quais são as outras aplicações?

Como mencionamos no início do texto, além de ser útil em uma transmissão ao vivo, a transmissão via internet de baixa latência também pode ser usada em outras duas situações:

Sinal principal

Emissoras iniciantes, que ainda não tenham estruturas de transmissão sofisticadas, podem usar a transmissão via internet de baixa latência como sinal principal. Isso é interessante para TVs comunitárias, por exemplo, que em geral possuem poucos recursos e precisam entregar conteúdo. Nesse caso é importante lembrar que, por lei, é preciso que esse sinal tenha uma redundância com outro conteúdo pois, caso haja algum erro, a emissora não pode ficar totalmente em black.

Backup redundante

O sinal via internet também pode funcionar como um backup. Caso o sinal principal, por algum motivo, fique instável ou mesmo caia, ele pode entrar em ação como um stand by. Isso é interessante porque, por ser uma alternativa de baixo custo , pode entrar no orçamento de muitas TVs que, por falta de verba, não possuem um sinal backup.

Como a Digilab pode ajudar?

A Digilab continuamente se preocupa em desenvolver soluções que resolvam problemas práticos de seus clientes. Identificando que muitos deles precisam de uma solução de baixo custo para realizar uma transmissão ao vivo com qualidade, desenvolvemos soluções que viabilizam esta necessidade.  Além disso, entregamos o sinal já decodificado para que ele possa ser distribuído nas mais diversas plataformas, tanto de TV quanto de internet.Caso tenha interesse em saber mais sobre como funcionam estas e outras soluções, estamos à disposição para encontrar a solução que melhor se encaixa na sua demanda e nos custos que sua operação exige.

Caso tenha interesse em conversar conosco sobre este ou outros assuntos, entre em contato.

Deixe um comentário

Comentar (obrigatório)

Você pode usar estas tags HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Nome (obrigatório)
E-mail (obrigatório)