Como obter alta qualidade em transmissões ao vivo pela internet?

Como obter alta qualidade em transmissões ao vivo pela internet?

A qualidade em transmissões ao vivo pela internet é cada vez mais importante. O hábito de acompanhar vídeos em tempo real tem feito parte da vida das pessoas. Tanto que plataformas como Instagram, Facebook e Google têm se aperfeiçoado e lançado novidades constantes voltadas para o usuário que deseja produzir conteúdo live stream. No caso de empresas geradoras e/ou distribuidoras de vídeos online, é necessário acompanhar as inovações e também aperfeiçoar-se para oferecer bons resultados. Vídeos que travam, qualidade de transmissão ruim e outras instabilidades serão cada vez menos toleradas. Por isso, antes mesmo de começar suas transmissões, pergunte-se: tenho tudo o que é preciso para oferecer alta qualidade em transmissões ao vivo pela internet?

Por que realizar transmissões ao vivo pela internet?

As transmissões ao vivo são um recurso já muito usado pela televisão. Elas trazem uma forte sensação de ineditismo e fazem com que o espectador se sinta parte dos acontecimentos transmitidos. É um recurso fundamental quando falamos de telejornais, por exemplo, nos quais a notícia pode mudar durante a exibição do programa e, caso tenha sido gravada, já chegará velha ao espectador. Porém, não é só nesse caso que as transmissões ao vivo são úteis. Se partirmos do princípio que o maior mérito da internet é ligar pessoas de vários lugares ao mesmo tempo, transmissões ao vivo podem ser incríveis para outros tipos de exibição nas quais a qualidade é fundamental. Tais como:

Jogos de futebol (e outros esportes)

O ineditismo e o caráter imediato de partidas esportivas não tem o mesmo valor sem as transmissões ao vivo. No futebol, a perda de um único segundo de jogo pode ser decisiva, e um gol comemorado segundos depois do grito do vizinho (que pode ter um meio de transmissão mais veloz) não tem a mesma graça. Para além do futebol, falamos no texto “Plataformas OTT para exibição de eventos esportivos de nicho” sobre como o OTT pode ser interessante para abrir o leque de possibilidades. Seja qual for o esporte, a factualidade e a fluidez dos vídeos são fundamentais para garantir alta qualidade em transmissões ao vivo pela internet.

Leilões

Empresas que trabalham com leilões e querem a participação de pessoas online nas transmissões ao vivo precisam  garantir que elas não percam nenhum lance. Uma transmissão de leilão que trava, ou mesmo que tem baixa qualidade, acaba desanimando o comprador e faz com que a empresa perca vendas. As chances de conseguir o produto e a experiência de quem está em casa e quem está participando presencialmente precisam ser praticamente as mesmas.

Palestras (videoaulas)

Nesse caso, o essencial é garantir a fluidez para o entendimento de tudo que está sendo dito. Sabemos que a qualidade da internet pode variar, mas a transmissão ao vivo precisa ter qualidade o suficiente para que o espectador/aluno não perca nenhuma parte da fala e, assim, consiga continuar acompanhando o que está sendo dito.

Mas, afinal, como garantir alta qualidade em transmissões ao vivo pela internet?

A alta qualidade de som e imagem são os primeiros passos para qualquer tipo de gravação. Porém, quando se trata de plataformas profissionais de vídeos, isso se torna ainda mais importante. A infraestrutura adequada tanto de captação quanto de transmissão é o que fará a diferença para que o espectador invista seu tempo e dinheiro (no caso de plataformas pagas). No que diz respeito à transmissão, algo é fundamental: a transcodificação.

Transcodificar uma mídia significa colocá-la em formatos e taxas adequados ao tipo de plataforma em que será disponibilizada. No caso da alta qualidade em transmissões ao vivo pela internet, recomenda-se que os vídeos sejam preparados para aceitar até 5 taxas de qualidade. Na prática, funciona da seguinte forma: se a internet do espectador estiver em máxima performance e for de alta qualidade, a transmissão ao vivo será recebida em qualidade excelente de imagem, com total nitidez. Já se a internet estiver ruim, a taxa pode variar, oferecendo uma qualidade de imagem um pouco menor e evitando ao máximo travar durante o processo. Na pior das hipóteses, apenas o som chega à casa da pessoa. Mas não há prejuízo no entendimento do conteúdo.

No Brasil, a única empresa que tem o domínio deste tipo de tecnologia para fazer transcodificação é a Digilab. Escrevemos recentemente um post sobre as vantagens de contratar uma empresa brasileira para realizar essa parceria.

Caso tenha interesse em conversar sobre o assunto, escreva para nós!

Deixe um comentário

Comentar (obrigatório)

Você pode usar estas tags HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Nome (obrigatório)
E-mail (obrigatório)